Projeto Revitalização do Artesanato de Referência


 

A Associação Cultural Matakiterani no dia 23 de junho de 2012 lança na oficialmente o Projeto Revitalização do Artesanato de Referência do Planalto Serrano de Santa Catarina. Uma iniciativa aprovada no Fundo Socioambiental Caixa, Programa Caixa ODM de 2001 e que teve suas atividades iniciadas em abril de 2012. O primeiro trimestre das ações culmina com o Encontro de Mobilização Comunitária, que tem o objetivo de apresentar o projeto e abrir inscrições das oficinas de artesanato para a comunidade. 

Serão desenvolvidas 04 oficinas: fibras naturais, bordado, tricô e crochê, velas naturais e web design e programação. Cada oficina terá um profissional habilitado para desenvolver as técnicas artesanais com base no conceito de artesanato de referência cultural, que utiliza  referência da história, da cultura e das características naturais do local, revelando que é possível criar um diferencial em produtos artesanais distinguindo do artesanato comum, seu foco é valorizar o local,a comunidade, o bairro, e as pessoas.

A oficina de web design e programação irá capacitar uma turma de 10 jovens e adultos para construir uma web loja de comercialização da produção gerada pelas outras oficinas. O projeto conta ainda com a parceria do Sebrae para a adequação dos produtos a um padrão de mercado além da oferta aos participantes de cursos de profissionalização.

O projeto se estende por 02 anos de trabalho culminando suas atividades em março de 2014, tem financiamento do Fundo Socioambiental Caixa,com realização da Associação Cultural Matakiterani e Ponto de Cultura – Cultura no Rumo de São João Maria,  e parcerias com a EMEB Izidoro Marin, Secretaria Municipal de Geração de Trabalho e Renda, Secretaria Municipal de Turismo, ONG Moradia e Cidadania e Sebrae.

As oficinas começam nos meses de agosto e setembro, as de artesanato serão ministradas na Escola Izidoro Marin no Bairro Caroba e a oficina de web design e programação será ministrada na sede do Ponto de Cultura, no Morro do Posto, e as aulas são gratuitas. 

Comente